Trilhos Serranos

Está em... Início Memórias DESCOLONIZAÇÃO E RACISMO
domingo, 08 janeiro 2017 19:19

DESCOLONIZAÇÃO E RACISMO

Escrito por 
MEMÓRIAS


Foi com comoção que vi na SI NOTÍCIAS a homenagem que, na presença de António Costa, Primeiro Ministro, o Governo Indiano fez a MÁRIO SOARES, classificando-o "um estadista a nível global".

E não pude deixar de lembrar um episódio vivido em Lourenço Marques, no Jardim Vasco da Gama, em 1961. Estava desempregado e repousava num dos bancos livres. De repente vejo um jovem indiano a fugir de dois jovens europeus visivelmente enfurecidos. Ele, fugindo, dizia: "eu sou português, cumpri o serviço militar..." coisa que parecia não interessar aos perseguidores. Ele olhou para mim, como que pedindo ajuda, mas vendo-me também europeu, prosseguiu na fugida, sem dar tempo a eu esboçar qualquer gesto.

Vim a saber depois que a perseguição se devia às notícias que corriam sobre a invasão dos indianos a GOA. Vejam só, a valentia daqueles PATRIOTAS a querem desforrar-se naquele jovem que, nado e criado em Moçambique, dizendo-se PORTUGUÊS, só tinha da Índia a COR. Nunca esqueci o episódio e ainda hoje me dói não ter enfrentado esses energúmenos. 
Ler 158 vezes
Abílio Pereira de Carvalho

Abílio Pereira de Carvalho nasceu a 10 de Junho de 1939 na freguesia de S. Joaninho (povoação de Cujó que se tornou freguesia independente em 1949), concelho de Castro Daire, distrito de Viseu. Aos 20 anos de idade embarcou para Moçambique, donde regressou em 1976. Ler mais.