Trilhos Serranos

Está em... Início História CIVILIZAÇÃO CASTREJA
sexta, 05 agosto 2022 09:05

CIVILIZAÇÃO CASTREJA

Escrito por 

MURALHAS DO MONTEMURO

No topo da serra do MONTEMURO, no sítio designado por PORTAS DO MONTEMURO, ali, onde a estrada nacional 321 salta do concelho de Castro Daire para o de Cinfães, existem os restos, em ruinas, das antigas muralhas do "crasto" que os os nossos antepassados  ali construiram para habitação e defesa.

 

muralha-1muralha-2No território hoje integrado no concelho de Castro Daire, existem mais os restos de outros castros que vieram a dar o nome à CIVILIZAÇÃO CASTREJA pelos especialistas  na matéria e assim é conhecida na bibliografia específica. Estão essas outras ruínas no Monte de Sáo Lourenço, no Outeiro de Maga, no território de Cabril, junto ao rio Paiva e, como o topónimo CRASTO indica o mesmo para CASTRO DAIRE, (Crasto Daire)  cujas pedras se sumiram nos prédios urbanos e nos muros de socalco em redor da vila.

Foram essas MURALHAS que deram o nome à SERRA DO MONTEMURO, antes chamada «GERONZO». Ja fiz vídeos e escrevi sobre isto tudo. É só pesquisar e ler os meus trabalhos disponíveis.

Para além das fotos acima , hoje deixo aqui o ESBOÇO do seu perímetro e localização,  pois têm-me chegado informações e pedidos para fazê-lo, dado haver muitos munícipes, curiosos e estudiosos que ignoram o sitio das MURALHAS que foram elas deram o nome à serra dominante do concelho: MONTEMURO.

7BB2FA9F-0A1A-43DE-B084-179FCB1724AC

 

 

Ler 164 vezes
Abílio Pereira de Carvalho

Abílio Pereira de Carvalho nasceu a 10 de Junho de 1939 na freguesia de S. Joaninho (povoação de Cujó que se tornou freguesia independente em 1949), concelho de Castro Daire, distrito de Viseu. Aos 20 anos de idade embarcou para Moçambique, donde regressou em 1976. Ler mais.