Trilhos Serranos

Está em... Início Poesia NATUREZA VIVA
terça, 05 junho 2018 12:51

NATUREZA VIVA

Escrito por 

TELAS

 

São da minha autoria

Cada fotografia

Que mandei passar à tela.

Fê-lo a Elisabeth, pintora

Uma senhora

Que conheci há pouco tempo.


FOTO-ORIGINALSão o registo de um momento

Encantado com a paisagem

Vista da minha janela

Esse espaço de passagem

De dentro para fora

Que um fugaz pensamento

Reteve e não deixou ir embora.


Lá fora, no meu quintal

A natureza

No seu habitat natural

Mostra a sua alegria e beleza.

E no parapeito da minha janela

Num vaso prisioneira

Mas igualmente bela

Vislumbro (sem ela o dizer)

Alguma melancolia e tristeza

TELA-2Na begónia cheia de cor

Ou, sei lá, cheia de dor

Por prisioneira ser.

Dor que a atormenta

E estoicamente aguenta

(Uma eternidade)

Sem úis, nem ais

Para seu bem ou seu mal

A ver a liberdade

Das suas iguais

Lá fora, no quintal.

 

abílio/junho/2018

 

abílio/Junho/2018

Ler 42 vezes
Abílio Pereira de Carvalho

Abílio Pereira de Carvalho nasceu a 10 de Junho de 1939 na freguesia de S. Joaninho (povoação de Cujó que se tornou freguesia independente em 1949), concelho de Castro Daire, distrito de Viseu. Aos 20 anos de idade embarcou para Moçambique, donde regressou em 1976. Ler mais.