Trilhos Serranos

Está em... Início Memórias A FORÇA DA BD
sábado, 10 agosto 2013 21:53

A FORÇA DA BD

Escrito por 

AUTÁRQUICAS EM 1993 E 1997

A minha colaboração no jornal «Notícias de Castro Daire», nos anos que vão de 1993 a 2000, não se limitou aos textos que versavam sobre temas de história local, usos, costumes, tradições, lendas e opinião. Nas suas páginas ficaram também alguns devaneios poéticos em nome próprio e sob o pseudónimo de «Rocha de Castro», o mesmo que utilizei em diversas crónicas no jornal «Lamego Hoje» e no «Horizonte Vilacovense», bem como nalgumas tiras de BD, em cujos balões deixei alguns apontamentos críticos de ocasião, que estão reunidas em livro arquivado no PC (a editar mais tarde ou não) de modo a que «tais preciosidades» não ficassem perdidos nos rodapés das páginas onde marcaram presença. 

1993-1-RedzAutarquicasPrimeiro foi «A Vaquinha», cuja cabeça foi inspirada na semelhança que o perfil geográfico do concelho de Castro Daire tem com esse animal. E depois foi a «Pena do Zé», ou seja, o esboço de um homem deitado, em forma de caneta, cabeça apoiada no braço, chapéu e barbas à «Zé Povinho», atitude de pensador, pala no olho a dar-lhe ares tanto e pirata como de Luís de Camões, pronto a debitar a crítica pelo aparo da caneta, ou seja pela ponta do pé, já que a «coltura» e o conteúdo das conversas, disputas e entretenimento do nosso Zé, de segunda a domingo, decorriam anos após anos, dos resultados conseguidos nos relvados com essas extremidades dos membros. 

Quer num caso, quer noutro, como se tornou notório e público, a primeiríssima coisa que os assinantes do jornal liam eram os textos insertos nos pequenos balões dessas tiras mal amanhadas. Fosse pelo humor, fosse pela lei do menor esforço, não foram poucas as vozes que me fizeram chegar o seu lamento pelo facto de verem tais figuras desaparecem do periódico. Mas tudo tem um fim.
«A Vaquinha» tomou a palavra no decurso dos anos de 1993 e 1994, seguindo-se-lhe a «A Pena do Zé» que se prolongou pelos anos de 1994. 1996, 1997, 1998, 1999 e 2000. 

Deixo aqui uma tira de «A Vaquinha» relativa ao ano de 1993, reportando-se às eleições autárquicas desse ano. E outra da «A Pena do Zé», relativa ao ano de 1997, reportando-se à forma como funcionava o aparelho do Partido Socialista, razão pela qual eu me afastei dele.

1997-2.RedAutárquicas

 

 

 

Ler 371 vezes
Abílio Pereira de Carvalho

Abílio Pereira de Carvalho nasceu a 10 de Junho de 1939 na freguesia de S. Joaninho (povoação de Cujó que se tornou freguesia independente em 1949), concelho de Castro Daire, distrito de Viseu. Aos 20 anos de idade embarcou para Moçambique, donde regressou em 1976. Ler mais.